4 de agosto de 2010 | Blog Oxente Menina

Clogs: sim, não, talvez?

As Sarahs, Alexas, Chloes e todas as It Girls* que me desculpem, mas essas clogs são ! Esses sapatos, que de tão delicados parecem sapatilhas de bailarina, são um insulto ao bom gosto e ao equilíbrio.

Não. Não estou falando do equilíbrio do look, me refiro ao equilíbrio do corpo mesmo. Porque não preciso ser médium e nem bruxa para antever a quantidade de mocinhas felizes {querendo ser as It Mocinhas} passendo pelos shoppings num dia de domingo, entortando os pés e se apoiando nas vitrines das lojas para não caírem, e exibindo as canelas finas e brancas {oi? eu?} com o sapatinho novo, e distribuindo sorrisos super trabalhados no Snob. Ô visão do inferno!

Ah, mas a Alexa usa, a Sarah JP usa, as It Girls brasileiras também usam…  Oxe, e eu com isso?! Já falei isso no post da Mischa fantasiada de andorinhas: se isso é ser fashion, me deixa quieta com meus basiquetes, tá?

(Clique nas imagens para ampliá-las)
Babei no look da Rachel Bilson… até olhar para os pés.

O pior é que os ditadores de tendências – que são os mesmos que ditam todas as outras coisas maravilhosas que nós veneramos – estão nos empurrando as clogs goela abaixo nesta temporada, e daqui a um tempo estarão ditando a o revival dos saltos de acrílico também. A-P-O-S-T-O! Quero só ver as It Coisas desfilando todo o seu gramú nas transparências. {Parece que eu tô vendo: salto acrílico neon. Visão do inferno 2!}

Mas voltando ao assunto das clogs – que no final dos anos 1990 eram chamadas pura e simplesmente de tamancos – retornaram ao closet feminino repaginadas, com correntinhas, tachas e outros acessórios “enfrufruzantes”, e devidamente assinadas pelas grandes marcas, of course. Porém, com uma característtca semelhante a das suas primeiras versões: horrorosas!

Sim, sabemos que a moda é um ciclo: criar tendências, transformar o old-fashioned em atual, glamourizar o que nem é tão glamouroso assim, mas não esqueçamos o bom senso, a atitude e as mensagens refletidas pelo aliado espelho.

Escravas da moda, que o Senhor do Universo vos livre de todo o mal, das clogs e dos saltos de acrílico, que o Santo Protetor do Salto Agulha vos abençoe, e que Nossa Senhora das Ankle Boots vos ilumine. Que assim seja!

*Em tempo: existe termo mais cabuloso do que o tal do “It”? 
** Para os amantes das clogs: não me crucifiquem! Hoje resolvi pensar alto, mas não é nada pessoal.

Close