Passaporte: Buenos Aires, por Line Ramos

Há tempos que ouço Line, do Papo Nada Cabeça, planejar a viagem para Buenos Aires. Posso dizer, inclusive, que compartilhei do momento mágico em que ela comprou as passagens e gritou para todo mundo ouvir no Twitter. Quem pode culpá-la? Eu provavelmente teria feito a mesma coisa no auge da empolgação.

Buenos Aires é uma cidade cosmopolita e hospitaleira. E acredite: a rixa entre brasileiros e argentinos se resume ao futebol. A verdade é que os hermanitos portenhos adoram os brasileiros, e sabem nos receber muito bem. Mas não se surpreenda se ouvir alguma piadinha sobre Pelé x Maradona. Eventualmente, esse assunto vai chegar aos seus ouvidos… pero en español.

Fazia algum tempo que eu e meu namorado queríamos fazer uma viagem de férias bem legal. Com a desvalorização do peso frente ao real, viajar para a Argentina se tornou o melhor destino para brasileiros que querem fazer uma viagem internacional sem gastar muito, que era o nosso caso. Além do mais, conheço muitas pessoas que foram e adoraram o estilo europeu em plena América do Sul, e isso me deixou ainda mais curiosa para conhecer Buenos Aires. 

Para turista ver:

Clique na imagem para ampliar

Caminito: Apesar de ficar no decadente bairro de La Boca, para mim, o Caminito foi o lugar mais pitoresco e cultural de Buenos Aires. Suas casinhas coloridas, feitas pelos italianos com os restos dos navios (segundo conta a história) e pintada de cores vivas, respira arte. Artistas de rua é o que não falta! O lugar também é cheio de cafés e restaurantes simples, mas deliciosos de sentar e admirar a efervescência das ruas que formam o Caminito. Vá logo pela manhã, que é a hora que tem mais movimento. À tarde começa a ficar mais vazio e o bairro não é muito convidativo para excursões noturnas.

Clique na imagem para ampliar

Casa Rosada: A sede do governo Argentino. Só isso já é motivo suficiente para ser visitada por milhares de turistas. Mas a casa possui um tour guiado pelos guardas reais muuuito legal! E é de graça…então não dá nem para chorar porque vai gastar seus pesos. É um local muito bonito e que vale a pena visitar sem muita pressa.

Jardim Japonês: Lugar perfeito para você dar uma relaxada depois de tanto andar. Ótimo para caminhar por ele vendo suas diversas flores e referências à cultura japonesa. O lugar é bem romântico também, e se você estiver acompanhado, o clima é propicio para ficar abraçadinho apreciando a paisagem.

El Ateneo: A maior livraria da América do Sul (segundo os argentinos). Mesmo que você não seja um aficionado pela leitura, vale a visita. A arquitetura do lugar impressiona! E se você for maluco por livros, como eu, vai se perder durante um bom tempo pelos corredores de lá.

Gastronomia:

Buenos Aires é uma cidade cosmopolita. Sendo assim, você vai encontrar comida de todos os lugares do mundo e preços para todos os bolsos.

Empanadas: As empanadas estão para Buenos Aires da mesma forma que os crepes estão para Paris e o hot-dog para NYC. Sentiu o clima? A empanada nada mais é do que uma espécie de pastel de forno, mas a massa é diferente da nossa. E as opções são inúmeras e delciosas, vale a pena experimentar!

Alfajor de chocolate com recheio de doce de leite

Alfajor: O doce mais conhecido da Argentina não poderia deixar de ser citado. Mas fica uma dica: os alfajores de Havana são os mais conhecidos, mas se você quiser economizar, nos supermercados você encontra os alfajores Jorgito que são tão bons quanto e custam a metade do preço.

Freddo: A sorveteria mais conhecida da Argentina! O sabor mais famoso e comentado é o de doce de leite, que realmente é um espetáculo. Mas se quiser dar uma variada, os sabores chocolate, frutas do bosque, morango e creme americano também são deliciosos.

Quanto aos restaurantes, vou citar três que me chamaram muita atenção:

Bice: É um restaurante italiano delicioso! Acredito que foi o mais caro da viagem, mas meu nhoque valeu cada centavo pago. Fora que eles servem umas mini-fatias de pizza de massa finíssima, que foi a mais gostosa que eu já comi na vida! O restaurante fica no bairro de Puerto Madero.

El Potrillo: Foi o local onde eu comi a melhor carne argentina. Apesar da fama dessa carne, não a achei tão boa assim. O tempero é muito sem graça! Mas neste restaurante ela estava deliciosa, e as batatas ao creme que nós pedimos para acompanhar estavam divinas! Também localizado em Puerto Madero.

Lola: Fica em frente ao cemitério da Recoleta. Eu diria que este restaurante foi o melhor custo/benefício da viagem: com 230 pesos (aproximadamente R$ 120,00) eu e meu namorado comemos entrada, prato principal, sobremesa, duas garrafas de água e uma garrafa de vinho branco, e estava tudo uma delicia.

Compras: 

Buenos Aires tem muitos outlets de marcas famosas, mas o que mais gostei foi o da Puma. Dá para comprar tênis e bolsas a preços ótimos.

Uma loja de roupas que eu gostei muito foi a Rapsódia. Você encontra em praticamente todos os centros de compras. É uma loja com estilo mais boho-chic, muito fofa. Para comprar acessórios, indico a Isadora, tinha muita coisa legal por lá.

Já para cosméticos, meca é, sem dúvida, a Farmacity. Com uma loja em cada esquina, lá você encontra corners de marcas como Maybelline, L’oréal, Revlon e Rimmel London com preços que valem super a pena. Também vai encontrar Roc, La Roche Posay, Vichy… que também são mais baratas em Buenos Aires, mas a diferença não é muito gritante. Se você quiser marcas mais caras, tipo Shiseido, Chanel e Dior, indico a Falabella. A loja é ótima, mas os preços são praticamente os mesmos dos praticados no Brasil.

Lá tem uma loja chamada Vz, na Galeria Pacífico, que é uma delicia! O foco são os hidratantes, sabonetes liquidos e tudo relacionado a cheiros. Dá vontade de não sair mais de lá.

+ Dicas:

  • Reserve uma tarde para caminhar pela Recoleta e por Palermo Soho e Palermo Holywood. Há sempre uma feirinha e gente descolada nas ruas. A Praça das Nações Unidas, na Recoleta, é um must-see
  • Ande de metrô! É super prático e você ainda economiza uma grana. Eu sei que todo mundo diz que taxi lá é barato, e realmente é, mas por R$ 1,10 você compra duas passagens de metrô e chega bem mais rápido.
  • Curta um Happy Hour. Argentino adora happy hour e adora tomar uma Quilmes sentado nas mesinhas do lado de fora dos cafés. É uma delicia! Faça isso pelo menos uma tarde, e se descubra no meio da atmosfera de fim de expediente portenho.
  • Entre nos supermercados. Essa dica pode parecer estranha, mas explorar o Carrefour de lá foi bem legal. Você encontra coisas que vendem aqui no Brasil por preços bem mais em conta e encontra produtos que não chegam aqui. Além dos vinhos argentinos a preços incríveis!
  • Se tiver disposição, faça um dos bike tours oferecidos pelas empresas especializadas no assunto. Aconselho o tour Palermo/Recoleta, que são bairros cheios de parques e com um clima bem agradável. 
  • Se você curte futebol, não deixe de visitar o famoso estádio ‘La Bombonera’, casa do time Boca Juniors.A visitação é organizada e o interior do estádio é lindo.

 For the English version, please click here.

Facebook Comments
19 comments Add yours
  1. Se não voltou ainda…Vale a pena conferir as maquiagens da mabby pro make, que vende em Buenos Aires e são precinho camarada e boa qualidade.
    produtos para cabelo, nos salões de lá sai a metade daqui.
    espero ter ajudado.
    Bj y hasta la vista baby!!!

  2. As dicas estão ótimass…Um passeio completo,parabéns!!
    Mas vamos contemplar as bonitas que tem filhos hehehehe…
    Para quem tem filhos, não deixem de visitar o Prohibido no Tocar(é um espaço ciência mais valorizado), Museo de Los Ninos (a perfeição para as crianças, tem supermercado, Mc Donald's, fábrica, emissora de Tv e rádio, tudo para brincar) o Parque de La costa (um super parque de diversões) e para as meninas nada mais rosa e fashion do que a Barbie Store =D
    Sem falar no Zoo que deixa o horto dos dois irmãos chupando dedo…=D

    Ah, o cemitério da Recoleta é ponto turístico também (lá encontra-se o túmulo de Evita) e as famosas casas de Tango, que são um verdadeiro espetáculo. (serve para adultos e crianças – a minha filha amou mais que tudo hehehe)
    Beijosss =*

  3. Que maravilha! Adorei o post! Ficou super legal! Ana, queria te convidar pra visitar o blog Carolina Chique Chique, que está completando 1 aninho hoje! Inclusive fiz uma breve retrospectiva do que rolou nesse primeiro ano e vc foi citada! bjinhooooo…

  4. delícia ler esse post e relembrar os dias q passei em BAs com uma amiga.
    agora estou querenod voltar com meu marido, dessa vez.

    q bom q se divertiram e seu post ficou um ótimo guia de viagem, vou recomendar para uma amiga q vai pra lá em fevereiro.

    Um ótimo fim de semana para você!!!

    /(,")\
    ./_\. Beijossssssssss
    _| |_…………….

  5. Menina do céu! Esse post não poderia ter vindo em hora melhor!!!!
    Acabei de comprar as passagens pra mim e meu marido pra lá!!!!!
    A Gol, está com promoção de alguns destinos com a volta a R$10,00, acredita que consegui comprar pra Buenos Aires!!!!
    Nem acredito!!!!
    Muito obrigada pelas ótimas dicas!!
    Beijãooooo!

  6. posso dar meu pitaco? Se vcs quiserem ver um show de tango de verdade, e não uma superprodução da Broadway caça-turistas, vão ao show que tem no andar de baixo do Cafe Tortoni. Custa +- 80 pesos e é lindo, super intimista!

    bjos

  7. Gabi, espero q possa aproveitar as dicas. Bjosss

    Danda, muito bom acompanhar a felicidade das pessoas, né? Ela aproveitou bastante mesmo!!! Bjosss, linda!!!

    Line, amei a minha encomenda! :****

    De tudo um pouco, ajudou bastante! Já fica aí a dica para quem ainda vai viajar. :) Bjosss

    Marcela, ótimas dicas! Pena q não dá para condensar tudo num post, por isso q recomendo q td mundo leia os comentários, pq as dicas q vcs dão são maravilhosas!!!! :) Bjossss

    Diise, salva logo nos favoritos, hahaha. Bjossss

  8. Cy, eu não peço dicas de hospedagem pq ficaria muito restrito, já q quem visita uma cidade fica hospedada num só lugar. E a ideia da tag é q as pessoas contem a própria experiência, daí não acho válido procurar dicas em guias para usar aqui. :) Bjoss

    Fabi, se prepare para fazer um post de Santiago, viu? hahaha Tb não conheço o Chile, se esse ano rolar viagem, deve ser pra lá tb. Bjosssss

    Carol, parabéns pelo 1 aninho de blog. Muito sucesso pra vc, linda!! :***

    Micha, acho q indo com seu marido vc vai aproveitar as coisas sob outro prisma. Isso é o mais legal, né? Independente de ser com um grupo de amigos ou com os respectivos, viajar é sempre uma delícia! :) Bjosss!

    Morena, espero que curta bastante a sua viagem!! E tomara que as dicas q Line deu no post realmente possam te ajudar. :) Bjos, querida!

  9. Nilda, acho q só El Ateneo já é suficiente pra gente se apaixonar, mas o legal mesmo é q tem váaaarias livrarias de bairro q são um verdadeiro encanto, né? Vou conferir teu post. Bjosssss, amore!

    Susy, :****

    Mai, não tem nada q pedir desculpa pela empolgação, to feliz demais por vc! Curta muuuuuito, viu??? :****

    Sil, pode não, DEVE! São esses detalhes q não estão nos guias q deixam uma viagem muito melhor. Qdo eu fui, acabei não vendo o show de tango pq tds eram caríssimos. Eu super teria aproveitado a sua dica, então q ela sirva para quem tá indo agora. Bjosssssss

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.