Tendência wet legging | Blog Oxente Menina

Ainda sobre tendências…

Adoro quando publico um post e vocês se identificam de alguma forma. Seja concordando ou discordando, é sempre bom ter um feedback e saber a opinião de outras pessoas. Semanas atrás quando publiquei o post Qual é a tendência? recebi um e-mail de uma leitora que me contou que foi gongada – pasmem! – por ter ido à um evento com uma roupa considerada last season.

Pedi para publicar aqui no blog e ela topou, mas com a condição de não publicar o nome dela. Geralmente peço para profissionais responderem às dúvidas de leitores, mas nesse caso como foi mais um desabafo, eu mesma vou dar meu pitaco. Ah, e quero o de vocês também!

“Oi Analu, adoro o Oxente e amei a matéria sobre as tendências que você escreveu. Queria que outras blogueiras lessem seu post, porque algumas semanas atrás fui num evento no Shopping [editado] e tinha várias blogueiras de moda lá, algumas bem simpáticas com quem até tirei fotos, e outras que acabei nem conversando muito. Fui pro evento com uma calça wet legging preta que eu adoro e camiseta e blazer, pra fechar o look usei uma sandália preta de tiras que eu sempre uso e amo, bem confortável. Gostei do look, achei que estava tudo certo com ele, e no outro dia depois que mandei mensagem pras blogueiras que eu conheci uma delas soltou um tweet dizendo “Por favor gente, wet legging foi tendência em 2010”. Por isso que seu post apareceu em boa hora, porque na hora fiquei chateada, mas não vou deixar de usar uma roupa que eu gosto porque alguém falou que não é tendência. Desculpa o desabafo!”

Olha, antes de continuar lendo o post, vai lá no seu twitter, coloca a @ da blogueira na frente e diz “Vai te lascar!” Pronto? Já fez? Então volta para cá. Brincadeiras à parte, que bom que você tem os pés no chão e não se deixou abalar pelo que essa pessoa falou. Provavelmente ela tem roupas descartáveis e renova o guarda-roupa pelo menos a cada estação, mas sabemos que isso não é a regra para a grande maioria das pessoas.

Dia desses li num grupo do Facebook uma menina falando que tinha um certo abuso de ir em eventos para blogueiras por causa da briga de egos: todo mundo se vestia igual, todo mundo brigava para ver quem ostentava mais. Foi ótimo ler isso para perceber que por mais que a gente às vezes acabe nivelando as pessoas – nesse caso as blogueiras – pelo lado podre, nem todo mundo pensa igual, e algumas pessoas simplesmente não dão a mínima para toda essa baboseira.

Na boa, continue usando sua wet legging se você se sente bem com ela. Particularmente, sendo modinha ou não, não abandono minhas calças flare por nada nesse mundo, nem que o Papa ou a Rainha da Inglaterra gritem que a regra agora é usar skinny. Falando em wet legging, o estilo não combina muito comigo {mais por questões de proporções mesmo}, mas para ilustrar o post acabei achando uns looks bem fofos.

E só para lembrar: roupa se compra, estilo não.

Imagens: Capa {desfile Juliana Jabour} – Revista Fraude | InStyle | Getty

Comente também pelo Facebook!

29 Comentários

  1. Neysângela
    17 de setembro de 2012

    Ah, eu responderia essa blogueira com “ter personalidade foi tendência em 2010, 2011, 2012, e parece que vai continuar na próxima season”.
    Vou te contar que há algumas semanas também fui num evento com blogueiras e confesso que fiquei um pouco tensa na hora de me vestir; por mais que a gente tenha nosso estilo e esteja satisfeita, é muito chato ficar recebendo olhares de desaprovação.
    No evento tinha muito Ctrl+C Ctrl+V de revista de moda e “looks do dia” de blogueiras, mesmo que o look não estivesse adequado ao corpo da pessoa. A maior comoção foi quando uma moça chegou usando um cinto, supostamente um it-belt (já inventaram isso também?), e todas suspiraram e queriam saber onde ela tinha comprado. E vou te dizer que o cinto era feio.

    Reply

  2. Karla Vidal
    17 de setembro de 2012

    Cara amiga, se você não mandou a guria se lascar me informa o “@” dela que eu mesma mando! Tabefe do Batman pra ela! Certos blogs/blogueiras perderam a noção de tal forma que é melhor ler bula de remédio, muito mais informação…

    Reply

    • Ana Lu Fragoso | Oxente Menina
      23 de setembro de 2012

      Kakau, e eu que fui procurar a frase no google e no twitter pra ver se achava a dita cuja, kkkkkkkk. Vontade master de mandar essa criatura se lascar!

      Reply

  3. O Brasil - brasileiras - tem mto o que aprender ainda!!!
    17 de setembro de 2012

    Há cerca de uns 2 anos voltei a morar no Brasil novamente, morava na Europa antigamente. Sabe uma coisa que me chamou atenção assim que cheguei lá? Como no meio da Oxford Street, eu podia ver uma mulçumana, usando Burka, e passando por ela um grupo de garotas usando shorts de paetês, calças wet leg., a 3ª completamente country – TODAS JUNTAS – provavelmente indo para algum lugar, para se divertirem.

    No momento aquilo me chamou tanta mas tanta atenção, que paralisou-me a um tal ponto, de sequer bater foto, já que estava com a máquina na mão. Porém, o que aprendi daquilo (marcou-me por querer comparar com o que via antes da viagem e o que vejo depois de morar fora – não de passar 2 semanas ou meses foram mais de 2 anos)? Não existe alguém que vá te dizer (ou TENHA O PODER DE DIZER): “Isso pode”, “ah…não, de forma isso não pode!”. Isso é tão patético ao meu ver, que nem consigo acreditar, que no meio “internístico” de hoje em dia, quando se tem acesso a todo e qualquer país/evento/lugar/buraco/enfim… Ainda existam pessoas, desqualificadas, dizendo que podem e o que não podem (aliás pensam que podem, pois é patético, e apenas dar vontade de rir desta situação). Algo que percebi, e percebo, é que os looks montados lá fora, são completamente, MIL VEZES, mais criativos, e feitos com coisas que vocês nem imaginam de onde elas tiraram aquilo.

    Aqui não, é o oposto, é uma espécie de maquinatização das pessoas em sua própria essencia (nem sei se essa palavra existe), porém o que quis dizer foi, MUITA gente hoje em dia, busca coisa pronta, ninguém quer colocar a mufa para pensar, e arranjar seu próprio look. Porquê não somos referências de looks diferentes, e só vemos cópias dos que já existem (claro que falo com relação a massificação de um mesmo conjunto ou alguma peça, existem algumas pessoas que não ligam e saem por aí de forma bem na sua e estão C****** e andando ligeiramente alegres por não estarem nem ai para que os outros dirão do que elas são/pensam). Enfim apenas minha opinião. Por isso sou muito fãã do seu blog, e de outros. São reais acessíveis, e singulares. Que saco entrar nos mais famosos nacionais, e só ver sair dalí, uma produção em massa, como nas esteiras de produção de Henry Ford! Beijo!

    Reply

    • Neysângela
      17 de setembro de 2012

      Nunca que eu esperaria ver alguém citar Henry Ford por aqui; adorei.

      Reply

      • Aprendendo Sempre!
        18 de setembro de 2012

        HAHAHA Obrigada, mas, você já viu que é isso mesmo menina?! Embora, pessoalmente, acho que estamos iniciando um pensamento diferente, e graças a pessoas como a lu, a cynthia (do fashionistaup), a shame até mesmo, agente pode pensar um pouco. Tem gente que ainda vive nesse mundo, sim, porém, estamos amadurecendo, e fico feliz demais por isso, já vemos tantas meninas BEM maqquiadas bem vestidas! Acho que estamos inciando, fico bem feliz! :D

        Reply

    • Ana Lu Fragoso | Oxente Menina
      23 de setembro de 2012

      Que esse comentário, com esses exemplos que vc vivenciou no exterior, sirva para abrirmos ainda mais nossa mente. É engraçado que muita gente tenta ser fashion forward e autêntico, mas no fundo a maioria é bolo da mesma forma e ainda torce o nariz qdo alguém tem a ousadia de fazer diferente. Bjão

      Reply

  4. O Brasil - brasileiras - tem mto o que aprender ainda!!!
    17 de setembro de 2012

    Oxford Street* avenida de Londres, como poderia falar de Estocolmo na Suécia ou Amsterdã nos Países Baixos. Posso te mandar uma foto que tenho exatamente mais ou menos assim Lu! Beijos!

    Reply

  5. Diise França
    17 de setembro de 2012

    ¬¬ Agora, lascou mesmo! Adorei o Vai te lascar! Eu chamava de fútil mesmo, mas vc soube responder bem.
    Flor, não deixe de usar sua wet legging é linda e estilosa, aposto que vc usa muito bem ;)

    Reply

  6. Vanessa Batista
    17 de setembro de 2012

    Que coisa chata hein!!!!

    Se vc gosta,se sente bem continue usando sua wet legging!!

    =)

    Reply

  7. Juliana RNA
    17 de setembro de 2012

    Ah tá! Então a gente compra uma roupa que gosta (pq eu só compro o q gosto, e não somente pq está na moda) e depois tem q descartar pq saiu de moda? É isso mesmo produção?
    Que povo fútil da “muléstia” é esse? Filhinhas de papai? Ou aquelas que comem ovo frito e arrotam caviar? Eu juro que gostaria de ir a algum evento com blogueiras desse tipo, para ver de perto as caras e bocas, os olhares de reprovação e claro, toda a ostentação acompanhada daquela falsa modéstia característica, e que eu detecto de longe.
    Eu já fui assim alguns anos atrás, de me importar com o que os outros iam pensar, mas hoje em dia, se eu gosto mesmo da roupa e ela me veste bem, vou usar até quando eu enjoar ou a roupa desgastar de vez. Tem peças q amo tanto q quando enjoo eu faço uma costumização para continuar usando! Sou ryca? kkkkkkkkkkk…
    Amiga anônima, seja feliz com sua wet legging, Ana Lu seja feliz com suas calças Flare e eu vou ser feliz com meu animal print, doa a quem doer! Bjsss

    Reply

    • Ana Lu Fragoso | Oxente Menina
      23 de setembro de 2012

      Ah Ju, sempre gostei de me arrumar, de me maquiar, mas sempre fui daquelas de “to c******* e andando” pra quem não gosta do q eu estou usando. Tenho um abuso imenso de gente q olha os outros de cima a baixo pq a pessoa não está usando o uniforme q elas acham q é certo. Sejamos felizes com o q a gente gosta! Bjosss

      Reply

  8. Raiana Pereira
    17 de setembro de 2012

    Nossa, eu não sei o que pessoas como essa blogueira tem (ou não tem) na cabeça. Amiga, continue usando sua wet legging, e qualquer outra roupa que quiser, realmente acho que devemos escolher nossas roupas pelo que combina com o que a gente gosta, e não se algo é ou não tendência.
    Passei por uma situação dessas uma vez, foi um comentário que escutei sobre uma saia que estava usando (mais exatamente sobra a cor dela, azul bic) do tipo “Alô, não tá mais moda essa cor” ela não falou para mim, mas escutei (estava perto) e RI! Mas fiquei pensando naquilo (não sobre aposentar a saia), até que entrando no prédio uma menina de mais ou menos 10 anos, tava nos brinquedos e correu até mim (sem me conhecer) e disse “tua saia é tão linda!” a única coisa que veio na minha cabeça foi “Aquela menina é muito estúpida!”.

    Moda é arte não uma nova forma de escravidão.

    Reply

    • Ana Lu Fragoso | Oxente Menina
      23 de setembro de 2012

      Se a moda é amarelo, td mundo tem q usar essa cor, é isso? Kd a liberdade da pessoa vestir a cor/modelo que gosta e lhe cai bem. Um saco essas regrinhas sem o menor fundamento, e mais sacal ainda esse povo q não tem nada na cabeça.
      Bjo, e curta sua saia azul bic!

      Reply

  9. Raiana Pereira
    17 de setembro de 2012

    Nossa, eu não sei o que pessoas como essa blogueira tem (ou não tem) na cabeça. Amiga, continue usando sua wet legging, e qualquer outra roupa que quiser, realmente acho que devemos escolher nossas roupas pelo que combina com o que a gente gosta, e não se algo é ou não tendência.
    Passei por uma situação dessas um dia desses, foi um comentário que escutei sobre uma saia que estava usando (mais exatamente sobra a cor dela, azul bic) do tipo “Alô, não tá mais moda essa cor” ela não falou para mim, mas escutei (estava perto) e RI! Mas fiquei pensando naquilo (não sobre aposentar a saia), até que entrando no prédio uma menina de mais ou menos 10 anos, tava nos brinquedos e correu até mim (sem me conhecer) e disse “tua saia é tão linda!” a única coisa que veio na minha cabeça foi “Aquela menina é muito estúpida!”.

    Moda é arte não uma nova forma de escravidão.

    Reply

  10. Dany Menezes
    18 de setembro de 2012

    Isso é um absurdo!! A calça é linda é dela e ela usa quando e onde ela quiser e se a tal blogueira não gostou tudo bem opnião dela, mas deveria ter ficado de boca fechada!!

    Reply

  11. Nara Borges
    19 de setembro de 2012

    Nossa que povinho heim!!! Se joga amiga, se a sua wet e faz bem e te deixa linda não tem porque dar ouvidOs para essa super entendia, no mínimo o corpo dela não favorece para usar uma calça dessa e ela morreu de inveja qdo viu vc arrasando…

    Reply

  12. Silvia
    29 de setembro de 2012

    Eu adoro moda! Moro na Holanda e como num dos comentarios q li acima, aqui a moda nao tem regras. Todos se vestem de maneira diferente, talvez seguindo algumas tendencias, mas sempre c seu proprio estilo e principalmente de uma maneira confortável. Eu fico chocada c tantos blogs de moda brasileiros… todos parecidos e fazendo propaganda de roupas q ninguem pode comprar! Eu viajo muito pela Europa e o q eu vejo pelas ruas é uma liberdade de expressao e nao “uniformes de marcas famosas”. Fico chocada c as blogueiras brasileiras, todas c o mesmo sapato, a mesma bolsa, o mesmo cabelo… q falta de imaginacao! É moda, mas vc nao tem q seguir a risca, invista no seu proprio estilo, na sua propria criatividade. E só pra vcs terem uma ideia, a H&M comecou a vender a legging wet novamente. Faz parte da colecao de inverno novamente pois aqui o povo é fã de legging, mesmo q nao seja mais moda em Paris!

    Reply

    • Ana Lu Fragoso | Oxente Menina
      29 de setembro de 2012

      Sílvia, fico super feliz lendo esses depoimentos de vcs que vivem fora do Brasil. O mais triste aqui é q essas pessoas q se consideram trendsetters e inovadoras, são as mesmas q olham torto para alguém que não está seguindo a ditadura. Será q vamos ter q sair do país para ter essa liberdade? Bjosss

      Reply

  13. Lariza Araújo
    09 de novembro de 2012

    Rsrsrsrsrsrsrsrsrs *-*

    Ameii o “Vai te lascar!”
    Tô ~in love~ com seu blog !

    Bjinhuxx .*

    Reply

  14. Rossana
    06 de agosto de 2014

    Sábias palavras Ana Lu <3

    Reply

Deixe um comentário!

Close