Ônibus Aeroporto Executivo em Curitiba

Nas minhas pesquisas para ter uma ideia dos gastos com transporte em Curitiba, o aplicativo do Uber foi uma mão na roda para ver a distância e o valor que gastaríamos indo do apartamento no Centro/Batel para as atrações. Uma tarifa que não consegui visualizar de forma alguma, no entanto, foi a do aeroporto para o apartamento. Não sei se nos momentos em que eu olhava não havia carro disponível nas proximidades e por isso não dava para ver a tarifa, ou se existe alguma restrição do serviço no Aeroporto Afonso Pena (que na verdade fica em São José dos Pinhais, e não em Curitiba), mas não consegui ter uma ideia.

Olhando alguns blogs de viagens e relatos no Trip Advisor, descobri que a corrida de táxi daria uma média de R$ 90, o que ficaria um pouco pesado pra gente, considerando que estávamos em quatro adultos + Luca e quatro malas grandes. Foi aí que descobri a opção de pegar o ônibus executivo no próprio aeroporto e por um valor bem mais em conta.

A parada fica no mesmo piso do desembarque e o pagamento é feito diretamente ao motorista ou aos funcionários que ficam no pequeno guichê. A frequência dos ônibus é de cerca de 15 minutos – o que significa que se você perder o último não vai ter que ficar esperando horas até o próximo – e ele para em vários pontos do trajeto.

Os micro-ônibus possuem mala espaçosa e bagageiro interno para quem está com bagagem pequena, e os funcionários são super atenciosos na hora de auxiliar com as malas. Quando viram que estávamos com idosas e criança na grupo, eles mesmos se prontificaram a guardar as malas enquanto minha mãe e sogra já subiam no ônibus. Além do mais, os carros são equipados com wi-fi, carregador USB e purificador de ar. 

A tarifa para cada trecho custa R$ 15 (referência maio/2018), mas no período que chegamos a empresa estava com uma promoção que comprando a ida e volta no débito, cada trecho custaria R$ 8. Nem pensamos se realmente faríamos a volta de ônibus, mas por R$ 1 de diferença resolvemos comprar logo. Minha mãe e sogra, ambas com mais de 70 anos, pagaram a tarifa normal, mas Luca com 4 anos não pagou.

Escolhemos a parada da Rua 24 Horas para descer, uma transversal à rua onde ficamos hospedados, e o trajeto durou cerca de uma hora. Daria pra ter ido andando numa boa até o apartamento, mas como a gente ainda não conhecia a região e não sabíamos que era tão perto, pegamos dois táxis no mesmo lugar onde descemos e pagamos R$ 10 cada. Na volta fomos a pé do apartamento para a parada e atravessamos uma galeria que saía na Rua 24 Horas, encurtando e facilitando ainda mais a caminhada, que não deve ter durado nem cinco minutos.

Pagamos pela ida e volta, em quatro adultos, o valor que provavelmente seria só a ida de um táxi. Dependendo da localização do seu hotel ou apartamento, é importante observar se alguma das paradas fica próxima do estabelecimento, porque se for distante e você ainda precisar pegar um táxi ou Uber, pode não compensar. Para nós foi muito conveniente e achamos o serviço excelente.

Facebook Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.