Olinda | Blog Oxente Menina

MIMO Festival invade Olinda e Rio

Um dos eventos mais esperados do ano, com a participação de nomes de vanguarda musical de cinco continentes, e consolidado como o maior festival de música gratuito da América Latina, o MIMO chega em novembro ao Rio de Janeiro (10 a 12 de novembro) e a Olinda (17 a 19 de novembro), cidade onde nasceu.

Prestes a completar 15 anos, em 2018, e marcado por passagens internacionais por Amarante (Portugal) e Glasgow (Escócia), a edição 2017 leva às duas cidades uma programação abrangente, com concertos inéditos de artistas de diversas nacionalidades.

Neste ano, depois de passar pelas históricas Tiradentes e Ouro Preto, em Minas Gerais, e pela charmosa Paraty, o festival segue pelo terceiro ano consecutivo para a Cidade Maravilhosa, tendo o palco principal na Marina da Glória e ocupando patrimônios como as igrejas da Candelária, Outeiro da Glória e Museu da República. Em Olinda, cidade-mãe do festival, o MIMO se mantém em igrejas e espaços históricos da cidade, com programação gratuita de concertos, cinema, etapa educativa, fórum de ideia e Chuva de Poesia.

Olinda e Rio de Janeiro receberão, com exclusividade no Brasil, alguns artistas em comum, como Konono Nº 1, grupo que vem diretamente do Congo e o cineasta e músico Emir Kusturica & The No Smocking Orchestra, da Sérvia. No lineup estão também a jovem francesa Laura Perrudin, que com uma harpa cromática eletrificada mistura jazz, hip hop, soul e música eletrônica; o violinista e fantástico improvisador francês Didier Lockwood, com seus mais de 40 anos de carreira, 4 mil apresentações e turnês pelo mundo; o excepcional trio africano 3MA, formado pelo renascentista Rajery com sua valiha, o mágico da kora BallakéSissoko e o incrível oudista Driss El Maloumi; o instrumentista, compositor e cantor de Mali Vieux Farka Touré, que foi considerado pelo jornal inglês “The Guardian” “o novo herói da guitarra africana”; o coletivo Ondatrópica, da Colômbia, que, com um pé na tradição e outro na modernidade, vai da cúmbia ao hip hop, passando pelo funk, dub, jazz e ska; e o roqueiro português Manel Cruz, que ganhou notoriedade, na década de 1990, como integrante da cultuada banda Ornatos Violeta e faz a sua estreia no Brasil.

Chuva de Poesia

Poesias impressas em papéis coloridos são atiradas do alto das torres de igrejas a cada edição, permitindo ao público conhecer trechos de obras de importantes escritores brasileiros. A curadoria vincula os poetas escolhidos aos temas oferecidos no Fórum de Ideias, consolidando uma ligação conceitual que permeia todas as atividades do MIMO.

Todos os concertos, atividades educativas e exibição de filmes são oferecidos gratuitamente ao público. Para algumas atividades da programação, realizadas em locais fechados e com limite de público, os ingressos são disponibilizados antecipadamente. Mais informações no site oficial do MIMO Festival.

Crédito das imagens: Flickr oficial do MIMO Festival

Carnaval de Olinda Fashion Day

Ah, gente, o carnaval de Olinda é uma coisa linda de se ver! Não estou sendo bairrista {nem sou pernambucana de verdade, lembram?}, mas é um evento tão cheio de cores e criatividade, que nem é de se estranhar que o carnaval seja uma fonte de inspiração para profissionais de áreas tão diversificadas. Tanta inspiração acabou conquistando também o mundo da moda, e as ruas de Olinda, em meio aquele belíssimo casario, vão virar uma enorme passarela para homenagear os modelos mais famosos do carnaval pernambucano: os bonecos de Olinda.

De uma parceria entre a Secretaria de Patrimônio e Cultura de Olinda e o artista plástico Sílvio Botelho, pai dos bonecos gigantes, foi idealizado esse inusitado desfile, que apresentará um figurino criado por renomados estilistas nacionais, e cujas coleções foram recentemente expostas na São Paulo Fashion Week. João Pimenta, Walério Araújo, Amapô, Neon, Totem, Ronaldo Fraga, Cavalera e Melk Zda fazem parte do time que assina os modelitos dos bonecos.

O desfile vai rolar no próximo dia 02 em frente à Prefeitura de Olinda, às 19h, e será aberto ao público. Além do desfile, as estilistas e marcas pernambucanas Carol Azevedo, Período Fértil, Joana Gatis e Avesso também participam do evento com um desfile de fantasias, e haverá ainda uma exposição das roupas produzidas para os bonecos gigantes, produzidas pelos alfaiates e costureiras de Olinda.

Em tempo: quem estiver por aqui no carnaval, tente parar alguns minutos em algum lugar alto {um camarote, primeiro andar de uma casa, em cima de uma árvore…} só para observar as fantasias que o pessoal inventa. A criatividade em harmonia com a alegria das pessoas é de emocionar.

Desfile fashion dos bonecos gigantes02/02 (quinta-feira) | 19h | Em frente à Prefeitura de Olinda | Entrada gratuita

* Imagens: Prefeitura de Olinda

Close