Alianças de ouro: nossa história por trás do símbolo de união

A troca das alianças é um dos momentos mais emocionantes de um matrimônio. Para os mais religiosos, é a confirmação do amor diante de Deus e da congregação; para os mais românticos, é a reafirmação de uma linda história de amor.

A escolha das peças que simbolizam a união, o amor e o companheirismo pode não ser tão significativa quanto o grande dia, mas não deixa de ter grande importância para o casal.

+ O valor sentimental de uma corrente de ouro
+ Cabelo para madrinha de casamento

Um noivado desprovido de romance, mas não de amor

Não costumo contar aqui muitas coisas sobre meu relacionamento. Para resumir um pouco, conheci meu marido em 2003 e estamos juntos desde então. Eu sou de Natal, ele de Recife. Na época em que resolvi jogar tudo para o alto e vir morar na capital pernambucana, eu era recém-formada e ele ainda estava na faculdade, por isso foi mais fácil eu vir do que ele deixar tudo para trás e ir para Natal.

Casamento não era um assunto que a gente costumava conversar, porque simplesmente não tinha muito importância. A gente se dava bem e estava feliz daquele jeito, sabe? A questão é que minha família sempre foi muito católica e com um leve pé nas tradições conservadoras. O mínimo que eu, e meu então namorado, podíamos fazer era noivar!

E se você está aí pensando que fizemos um jantar especial unindo as duas famílias para celebrar a jornada em que estávamos prestes a embarcar juntos, não tivemos nada disso. Em um dia qualquer, eu e meu marido fomos ao shopping, na companhia da minha sogra, e escolhemos alianças de ouro simples que cabiam no nosso orçamento. Cada um experimentou e… bem, foi isso! Saímos de lá já com as alianças no anelar da mão direita (e minha sogra emocionada porque o filho mais novo estava noivo).

Alianças de ouro: a melhor escolha

Embora mais finas e simples, escolhemos alianças de ouro para o noivado. Para o casamento, escolhemos um par mais elaborado e largo – a minha com uma pedrinha no meio da linha fosca que adorna a peça – mas também do tradicional ouro amarelo. Sou apaixonada pelo rosé e também curto bastante o branco, mas acho que o amarelo é mais atemporal. E aliança não é o tipo de coisa que a gente usa pela tendência, né? Espero ficar com a minha a vida inteira.

+ O valor sentimental das coisas
+ Penteado para madrinha de casamento inspirado em Carrie Underwood

Aliança de noivado é a mesma do casamento?

Antes de subir ao altar pesquisei bastante sobre isso, mas a conclusão que cheguei é que essa situação se molda de casal para casal. Na época em que noivamos, talvez tivéssemos comprado alianças de ouro melhores que pudessem durar a vida inteira. Como expliquei anteriormente, não foi o caso. As joias do noivado foram só para simbolizar o nosso compromisso.

Acho que o que realmente importa, no fim das contas, é que a escolha agrade aos dois. Mais importante ainda é que a união do casal seja repleta de felicidade e amor.

Comentários do Facebook

Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.