Turismo colorido

Alguns títulos dão a impressão errada para quem lê, né? Como o da minha primeira vez, lembram? Até de “safadeeenha” me chamaram, ó. Essa história de “turismo colorido” também ficou com uma cara meio que “lista dos melhores destinos gay friendly”. Nada contra, hein gente?! O post não é sobre isso não, o título do post é, na verdade, bem literal, são alguns destinos ou atrações super coloridas. De encher os olhos mesmo! {Ou só eu que curto um coloridão?}

Oxe, choveu em Olinda e a cidade ficou alagada? Nãaaaao, meu bem, a Veneza Brasileira é Recife, Olinda continua alta e quietinha no lugar dela. Esse lugarzinho lindo aí da foto de capa chama-se Burano, na Itália. Burano é um povoado pertinho de Veneza {mas não invente de ir nadando, tá?}, e além das casas coloridas ao longo do canal, Burano também tem tradição na produção de renda artesanal e nas máscaras de carnaval.

cano-cristales-colombia

Não cheguei a contar, mas Caños Cristales também é conhecido como o “rio das cinco cores”. Essa pintura natural, que também leva o título de “o mais belo rio do mundo”, está localizada em La Macarena, na Colômbia {quem não pensou na música “macarena” agora vai ter a pessoa amada de volta em três dias}. São 100 quilômetros de extensão e apenas 20 metros de largura, e durante cinco meses por ano – nos períodos de seca e de chuva – as algas do rio transformam Caños Cristales num balé de cores. La Macarena está situada no departamento de Meta, e o parque é aberto à visitação.

lisse-holanda

Parece uma cena de Amor Além da Vida, aquele filmaço com Robin Williams e Cuba Gooding Jr. de 1998, lembram? Acho que se tocar nas flores do Keukenhof Gardens não vai sair tinta como nas cenas do filme, mas o colorido desse belo jardim, localizado em Lisse, com certeza é suficiente para encantar seus visitantes.

mulheres-indianas

Ricas ou pobres, o que as mulheres indianas tem em comum, além do gênero e da nacionalidade, é o colorido de suas roupas. O diferencial dos sarees {ou sáris} mais chiques é que podem ser bastante adornados com pedrarias e muito dourado, mas, independente da classe social, os trajes das mulheres indianas são de encher os olhos com todo o seu colorido.

nasir al-mulk

Das duas uma: ou eu não iria conseguir me concentrar na oração distraída pela beleza dos vitrais, ou a energia das cores iria me fazer voar. A Mesquita Nazir al-Mulk está localizada em Shiraz, no Irã, e além dos vitrais coloridos, o piso também é adornado em cores, principalmente o rosa, garantindo também o apelido de “Mesquita Rosa”.

Facebook Comments

Compartilhe:
4 comments Add yours
  1. Já estive nesse jardim/parque na Holanda. É realmente belíssimo. Minha filha (na época com 5 anos) ficou encantada com uma tulipa que eles batizaram de “bob esponja”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.