Guia básico de compras internacionais {Formas de pagamento}

Este post foi originalmente publicado em Agosto de 2010. Devido ao volume de perguntas que recebo sobre compras internacionais, a série “Guia Básico de Compras Internacionais”, com três posts, está sendo publicada novamente.

Recebo muitos e-mails de meninas cheias de dúvidas sobre compras no E-bay, pagamento com PayPal, fornecimento do número do cartão de crédito em sites que estão em inglês, lojas confiáveis, e coisinhas afins.

Resolvi então fazer um pequeno guia para auxiliá-las nesse consumismo desenfreado processo de compras em sites estrangeiros, e espero que essas dicas possam ser de alguma ajuda para vocês.

Antes de tudo, destaco a importância de saber pelo menos o básico de inglês, já que a grande maioria dos sites só oferece esse idioma como opção {em um ou outro ainda é possível encontrar versão em espanhol, mas em português é bem raro!}


Formas de pagamento

A maioria dos sites aceita pagamento através do PayPal ou direto pelo cartão de crédito. Não quero decepcioná-las, mas descartem desde já a ideia de pagar através de boletos, depósito em conta e cheque pelos Correios para as comprinhas internacionais. Vamos no concentrar nas duas opções citadas no início do parágrafo, ok?

Conhecendo o PayPal:

A vantagem de ter uma conta no PayPal é que, ao efetuar uma compra, você não precisa digitar os dados do seu cartão no site, já que o PayPal intermedia esse processo. {Porque né, às vezes bate aquele medo do sistema de segurança da loja virtual…}. A má notícia é que para abrir uma conta no PayPal, você precisa obrigatoriamente possuir um cartão de crédito ou débito internacional.

O cadastro no PayPal é simples! É como se você estivesse criando uma conta de e-mail. Logicamente você irá fornecer dados que não precisaria no Hotmail, por exemplo, mas não se preocupe, o site é seguro – e já tem a versão em português para orientá-lo em todo o processo e esclarecer suas possíveis dúvidas.

 
1. Se o site estiver em inglês, é só mudar para Brasil (Português). Atenção: existe a opção Brasil (English). 2. Clique em “Inscreva-se” para criar a sua conta.

Continha criada, é hora de fornecer os dados do seu cartão internacional. Uma taxa de cerca de US$ 2.00 será cobrada na fatura do seu cartão, mas o mesmo valor lhe será devolvido em forma de crédito no PayPal. Pronto, agora você é oficialmente a detentora de uma conta no site!

O PayPal funciona como uma conta bancária. Você pode receber dinheiro através de uma transferência feita por alguém que também possua uma conta e pode realizar pagamentos através deste crédito. Ou, caso não haja crédito em sua conta, o valor é cobrado diretamente no cartão que estiver cadastrado. A propósito, você pode cadastrar mais de um cartão, e efetuar suas compras pelo que você preferir.

Usando o cartão de crédito internacional:

Se você não possui um cartão internacional, entre em contato com o seu banco para ver a possibilidade de obter um {as tarifas de anuidade podem variar bastante entre bancos/operadoras e o tipo de cartão escolhido, portanto analise suas necessidades antes de escolher o seu}.

A grande desvantagem do cartão de crédito em relação ao PayPal é ter que fornecer os dados em um site que você não sabe se é confiável, ainda que quase todos possuam sistema de segurança. Nesses casos, prefira comprar em sites mais famosos ou naqueles que você já possui referências.


Tarifas e conversão de moedas:

No PayPal, se você pagar diretamente com o crédito que já possui em conta, o valor debitado será informado na hora de fechar a compra {existe a opção de visualizar o valor em Real}. Já com o cartão de crédito, você só saberá o valor em R$ quando receber a sua fatura. Tenha em mente que não adianta consultar a cotação da moeda estrangeira no momento da compra, uma vez que o valor que você irá pagar corresponde à cotação do dia do fechamento da fatura, e não à cotação da data em que foi realizada a compra.

Além disso, compras feitas no exterior com cartão de crédito sofrem um acréscimo de 2,38% no valor da compra referente à alíquota do IOF (Imposto sobre Operações Financeiras) para compras em moeda estrangeira.

No próximos posts do Guia Básico de Compras Internacionais irei abordar questões de frete, impostos e lojas virtuais. Dúvidas ou sugestões podem ser enviadas pelos comentários do blog ou pelo contato.

Facebook Comments
19 comments Add yours
  1. Nossa muito bom, eu nem sabia como funcionava o paypal, pena qnão falo inglês.
    Ana e quando as meninas trazem mercadoria pra vender no Brasil, paga com cartão tb?

    Bjoks, Syl

  2. Syl, quando o pessoal traz produtos de fora pra vender aqui, você combina a forma de pagamento direto com a pessoa. Algumas só aceitam depósito, e outras trabalham com o PagSeguro, q aceita pagamento por boleto e cartão. :)

    Lari, sendo uma loja confiável (q várias pessoas já tenham comprado) é tranquilo. O ruim é a fatura do cartão, hahaha.

  3. Muito bom você falar sobre isso. Eu já tentei comprar um livro pelo Amazon, não tive nenhum problema com a cobrança, mas sim com a entrega. Depois de três meses me informaram que não era possível entregar no meu endereço e fizeram o estorno. Depois disso não tentei mais porque consegui comprar os livros em sites nacionais mesmo. Mas pra outros tipos de produtos não tem essa vantagem, né :/

    Beijos

  4. Eu tinha muita vontade de fazer compras em sites internacionais, e só um dia desses reparei que o meu cartão do BB, que a gente usa pra sacar dinheiro e tal, tb tinha a opção de crédito internacional.
    Hj em dia faço compras sem medo por ai, só é ruim a espera :)
    Mas agora o IOF tá em 6,38%, e não mais em 2,38% :(
    Bjos.

  5. Jéssyca, obrigada pela informação do IOF. Bjosss

    Anônimo, tem q ser cartão internacional, e qdo a encomenda fica retida é só pagar o imposto e retirá-la.

    Anônimo, no post tem explicando a tarifa, mas o site já está em português, então fica fácil entender. :)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.