Bolsa neon: como usar e onde comprar

Basta passar a vista rapidamente pelos perfis de moda do Instagram para ver que o neon é a tendência da atualidade, comprovando, mais uma vez, que a moda é cíclica. Não muito tempo atrás, em 2012 – na época do boom dos blogs de moda e beleza – o neon deu as caras com a mesma intensidade desta temporada de verão 2018/2019: bolsa neon, colares neon, roupas neon, sapatos neon, esmaltes neon… era tudo tão fluorescente que enjoava!

Enjoar. Talvez seja uma das palavras que melhor descreve o neon para mim. Não que eu não ache lindo, vibrante e alegre (acho sim!), mas chega uma hora que para mim enjoa. Talvez por isso ainda não tenha me jogado com muita intensidade na moda da efervescência das cores, me limitando por enquanto apenas às bolsas. E olha, elas têm dado o que falar!

+ Acessórios neon

Como usar bolsa neon

O Oxente Menina é o blog menos indicado para ler sobre o que “pode e não pode” na moda. Parto do pressuposto que cada um usa o que quer e bem lhe apetece, e levo isso para a minha vida também. Por isso, aqui não costumo cagar ditar regras do tipo “não pode usar neon rosa com neon verde”, tampouco “use neon apenas com cores neutras”, porque isso parte do gosto de cada um.

Entrando timidamente na tendência – e seguindo minhas escolhas pessoais – tenho usado bastante as bolsas neon com looks mais neutros. Apesar de serem cores a cara do verão e dos looks mais despojados, em algumas ocasiões escolhi usar o neon para a noite com roupas mais clássicas. Outra escolha (e essa infelizmente não tirei foto), escolhi a bolsa laranja com uma saia estampada e blusa azul – e ficou super harmonioso! As fotos não estão boas, mas dá para ter uma ideia…

Tipos de bolsa neon e onde comprar

Minhas bolsas neon seguem o modelo de uma Chanel clássica com correntinhas douradas made in China. Elas são feitas de silicone e têm uma textura que parecem pequenos triângulos. Nas lojas do Instagram tenho visto muitas clutches (como essa que usei no Natal de 2012, e só não tenho mais porque manchou), de palha, de crochê, de tricô e as de plástico com neon nos detalhes. O mais legal é ver os produtos artesanais sendo bastante produzidos! Difícil escolher as mais lindas.

Além das lojas indicadas na imagem, as minhas comprei na Rua de Santa Rita, no chamado vuco-vuco do Recife. A loja se chama Angel Bolsas e as de silicone custaram R$ 15 (no cartão saem por R$ 20). Juro que não estou inventando! Já vi outras lojas mais chiquezinhas vendendo na faixa de R$ 60, que também considero um preço razoável para quem não está a fim ou não pode encarar o centrão.

Agora me conta: você encara ou não essa tendência vibrante do neon?

Facebook Comments

Compartilhe:
2 comments Add yours

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.